fbpx

Reconhecido pelos apreciadores de vinho como fonte dos “diamantes do vinho” A forma molecular do requintado Ácido Tartárico diprótico (um ácido que pode doar dois átomos de hidrogénio (H) ou prótons a uma solução aquosa) C4H6O6 é bastante encontrada na modulação ácida de vinhos que determina sua qualidade e valor através de depósitos de leveduras mortas; também é muito associado a pigmentação de alimentos confeitados, no momento de cozedura algumas reações químicas podem acontecer e novas cores se formarem impedindo a estética do prato final, o Ácido Tartárico(AT) entra impedindo essa desordem por absorver colorações que não seja as originais dos ingredientes. É bastante requisitado na fabricação de sucos, refrescos, caramelos de frutas e produtos de pastelaria, nas tinturarias e também em shampoos e loções capilares para estimular a irrigação sanguínea local (por ser irritante ao couro cabeludo e pele) além de muito benéfico em casos como a alopécia (calvície) em estágio inicial.Encontrado na uva, pepinos, amoras, tamarindos, beterraba e no mosto (todo tipo de mistura açucarada destinada à fermentação alcoólica) como também na fermentação do suco de uvatamarindoabacaxi ou amora, onde se forma uma camada superficial rica em Ácido Tartárico. Há uma pluralidade de benefícios que essa substância traz para o corpo, ideal para a psique, age como um ativador mental, como as frutas vermelhas, o café, o chocolate e a canela. Além de proteger o organismo de doenças aumentando a imunidade do corpo, o Ácido Tartárico é um ótimo componente que auxilia no combate da flatulências (gazes) e ajuda na digestão, promovendo melhorias graduais na absorção intestinal. Outro excelente benefício do produto está na capacidade ágil de intolerância à glicose, sendo extremamente recomendado para as pessoas que são sensíveis à glucose. Este ácido também é muito usado na criação de cosméticos para a pele por conseguir capturar íons metálicos como cálcio e magnésio. O Cálcio participa do corpo de oligoelementos essenciais para o tecido, esse composto têm características particulares e ímpares para a pele a nível intra e extracelular; o Cálcio está envolvido na diferenciação e replicação celular, no controle de funções essenciais como a movimentação celular, secreção hormonal e na atividade do glicogênio além de atuar como um comunicador secundário das reações químicas e um co-fator enzimático que repassa a mensagem dos receptores que fazem parte da membrana celular, essa comunicação permite maior segurança para a célula contra agentes externos prejudiciais. Essas são ações que o Cálcio colabora na porção interna das células. Externamente intervém na coagulação sanguínea, produção de matriz extracelular (líquido que preenche os espaços entre as células), na proteção do material genético celular, na junção celular das camadas epidérmicas e na excitabilidade das células nervosas. Em contato com a superfície do tecido o Cálcio ativa a enzima Carboxipeptidase que percorre por toda a extensão da epiderme e aciona a maturação de citoceratinas e produção de ceratinas bem como desmossosmos, estruturas cálcio-dependentes que garantem a proteção segura da pele. Além de enviar um comando através de respostas imunomoduladoras para a camada mais profunda da epiderme, sinais de solicitação de novas células para renovar as camadas e melhorar a aparência jovem do tecido; a ação rejuvenescedora não se dá apenas pela atualização renovadora da epiderme como também pelo estímulo na derme de produção de colágeno e elastina, entregando firmeza e sustentação ao tecido. A atividade em conjunto a Vitamina D e o Magnésio é hiper potencializada. As necessidades reais deste elemento Cálcio dependem das taxas de absorção de cada indivíduo e de fatores dietéticos tais como as quantidades de proteínas, vitamina D e fósforo no organismo. Ao regular a divisão e a renovação celular da epiderme, o cálcio assegura o equilíbrio fisiológico e a normalização da espessura, devolvendo à pele sua juventude, brilho, hidratação, elasticidade e suavidade. O Magnésio é essencial para a vida, tamanha é sua importância que ele controla 18 minerais ligados a 300 enzimas e funções exclusivamente dependentes desse elemento. É o segundo cátion intracelular mais abundante e o quarto mais biodisponível no corpo. O Ácido Tartárico tem essa função chave de atrair o Cálcio e o Magnésio para melhorar a saúde e o bem-estar da pele com todas as especialidades desses elementos.

Este ativo se encontra nos produtos abaixo:

Pin It on Pinterest

Share This
Iniciar chat
1
Mais informações
Powered by Join.chat
Olá! Estou à disposição para qualquer informação!